Book Creator

uso e consumo da agua

by Mickael da Rocha da Rosa

Cover

Loading...
ÁGUA E CONSUMO
Loading...
Você sabe quanto gastamos e quanto deveríamos gastar de água por dia?

Loading...
O planeta tem mais de 7 bilhões de pessoas. Estima-se que cada uma delas utiliza uma média de 40 litros de água por dia. Alguns países utilizam muito mais do que isso, enquanto outros utilizam bem menos.
Segundo estudos da Organização Mundial de Saúde (OMS), a quantidade de água que o ser humano precisa para viver com conforto e saúde é de 110 litros por dia.
Apenas 2,5% da água do planeta é doce e própria para o uso. O correto seria economizar e usar esse recurso com sabedoria. Porém, não é o que acontece na maioria dos países.


Brasil
Apesar de ter áreas muito secas, o Brasil abusa do uso da água nas grandes cidades. O consumo diário de cada brasileiro é de, em média, 187 litros, sendo assim um dos países que mais utiliza desse recurso.
Dados de 2013



China
A China é o país mais populoso do mundo, mas possui apenas 7% das reservas de água doce do planeta. Com isso, o governo chinês foi obrigado a aumentar o preço da água para economizar. A média de consumo diário de cada chinês é de apenas 85 litros.
Dados de 2009
Dinamarca
Há 20 anos, a falta de água potável era um problema muito grande na Dinamarca. Com diversos avanços na qualidade da água e a queda no percentual de vazamentos, o país conseguiu diminuir em 35% o consumo per capita. Estima-se que cada dinamarquês vive com 107 litros por dia.
Dados de 2015



Estados Unidos
Os Estados Unidos são um dos países mais desenvolvidos do mundo, mas ainda não conseguiram desenvolver uma boa maneira de economizar água. Estima-se que o consumo diário de cada cidadão americano é de, em média, 575 litros. É o maior consumo do mundo.
Dados de 2015



Etiópia
Praticamente todo o continente africano sofre com a falta de água potável. Na Etiópia não é diferente. Estima-se que cada habitante do país vive com uma média menor do que 15 litrosdiários, muito abaixo do recomendado pela OMS.
Dados de 2009



Índia
A Índia é o segundo país mais populoso do mundo. Segundo a OMS, o gasto diário dos indianos é de 135 litros. Por estar perto do recomendado, este número pode enganar. Grande parte da população não possui esgoto e vive com menos de 20 litros por dia. O consumo é voltado totalmente para as metrópoles.
Dados de 2009
Índia
A Índia é o segundo país mais populoso do mundo. Segundo a OMS, o gasto diário dos indianos é de 135 litros. Por estar perto do recomendado, este número pode enganar. Grande parte da população não possui esgoto e vive com menos de 20 litros por dia. O consumo é voltado totalmente para as metrópoles.
Dados de 2009



México
O México tem um consumo diário por habitante estimado em 365 litros. É um dos maiores consumos do mundo. O país também é o maior comprador de água engarrafada no mundo.
Dados de 2015



Nigéria
Outro exemplo da seca que a maioria dos países do continente africano vive é a Nigéria. Estima-se que cada habitante do país vive com apenas 35 litros diários. Apenas um em cada dez nigerianos tem acesso à água tratada corretamente. A maioria da população é obrigada a construir seus próprios poços ou consumir água de rios e lagos.
Dados de 2009



Portugal
O consumo diário do cidadão Português é de 220 litros. A grande responsável por Portugal ficar acima da média recomendada é Lisboa, que sozinha gasta 367 litros por dia, enquanto outras partes de Portugal vivem com bem menos.
Portugal
O consumo diário do cidadão Português é de 220 litros. A grande responsável por Portugal ficar acima da média recomendada é Lisboa, que sozinha gasta 367 litros por dia, enquanto outras partes de Portugal vivem com bem menos.
Dados de 2013



Reino Unido
O consumo diário por habitante do Reino Unido é de cerca de 150 litros, número um pouco acima do recomendado pela OMS. Porém, nos últimos anos, algumas regiões vêm sofrendo com uma seca tão grande que o uso de mangueiras nas calçadas e plantas foi proibido, e estudam proibir a lavagem de automóveis e o uso de piscinas em casa também.
Dados de 2012
PrevNext